Gestão de pessoas: Como criar um fluxo que considere individualidades

Uma grande empresa é feita de grandes colaboradores, afinal, o segredo para o sucesso de qualquer negócio, é ter ao seu lado, profissionais competentes e que estejam dispostos a batalhar e vestir a camisa daquela organização com vontade, garra e muita determinação. 

Mas, para que tudo ocorra bem, é preciso entender que cada pessoa funciona de um jeito, é como um mix misturado dentro de uma batedeira industrial, cada funcionário tem suas particularidades, e trabalhar em cima delas é o que pode fazer sua corporação ter sucesso ou fracasso nas suas tentativas. 

Gerenciar pessoas vai muito além de generalizar tudo, é preciso entender e montar um roteiro que também tenha consideração pelos talentos individuais, ninguém é igual e reconhecer isso pode ser sua maior força.

No texto de hoje, vamos mostrar como criar um fluxo no gerenciamento de pessoas que considere as individualidades como um fator determinante dentro da empresa, bora conferir? Então vamos lá!

Identifique e mapeie os talentos de cada colaborador

Para montar um fluxo de gerenciamento que não consista apenas em algo genérico e sim, priorize o talento individual, é preciso mapear e estudar as individualidades de cada um dos colaboradores da sua empresa. 

Procure identificar os pontos fortes e fracos, saiba suas limitações e faça uma pesquisa totalmente personalizada, cada pessoa deve ser analisada de maneira individual para identificar e separar os talentos com maior precisão. 

Seja criterioso, reconheça  as características de cada um, algumas pessoas são mais introspectivas, outras mais comunicativas, algumas têm um ótimo senso de criatividade até mesmo para criar brindes corporativos, enquanto outras têm facilidade com números, saiba exatamente, o que cada um de seus colaboradores se destaca. 

Designer tarefas correspondentes com suas características

Após estudar e conhecer todas as características, é o momento de designar tarefas que correspondam com aquilo que elas podem executar, seja extremamente assertivo nesse momento, saiba apontar a dedo, cada função que é melhor para cada colaborador. 

Esse é um dos momentos mais cruciais e necessários para a sua empresa, existe uma necessidade de ser assertivo, quanto melhor for a sua designação, mais produtivo será sua empresa, criando um fluxo de trabalho mais confortável tanto em termos de resultados quanto para as pessoas. 

Dê liberdade para feedbacks e mudanças de posicionamento

A liberdade e a comunicação fazem parte de um bom relacionamento entre gestores e colaboradores, mesmo com pesquisas, análises comportamentais e a designação correta de tarefas, às vezes ainda podem ocorrer alguns erros ou algum desconforto que ainda possa ser notado pelos colaboradores. 

Dê liberdade para que eles forneçam feedbacks e mudanças de posicionamento, deixe seus funcionários a vontade para solicitarem algo diferente ou realizarem determinadas mudanças, eles devem se sentir bem para aproveitarem ao máximo seu potencial. 

Trabalhe o autoconhecimento e gere confiança

Mesmo que você conheça aquele colaborador, é preciso que ele mesmo se conheça, é fundamental que ele saiba seus pontos fortes e fracos, suas limitações e até onde ele pode chegar, trabalhar esse autoconhecimento deve ser algo constante no seu trabalho. 

Procure por atividades interativas e que exijam essa autodescoberta, faça com que seus colaboradores entendam seus papéis dentro da sua empresa de automação residencial, sua importância e o seu valor, gere confiança e faça com que eles confiem em si mesmos, e tenham total consciência sobre seu potencial. 

Respeite os limites, e saiba motivar e engajar os colaboradores

Todo mundo possui limites, e é claro que eles devem ser respeitados, procure sempre respeitar cada colaborador e saber exatamente até onde eles podem chegar, não ultrapasse a linha pré estabelecida e sempre trabalhe com respeito e compreensão. 

Também aprenda a motivar e engajar seus colaboradores de acordo com suas características, personalize a forma de interação, e trate cada um de maneira única, de acordo com suas próprias individualidades. 

O que achou do texto de hoje? Deixe sua opinião nos comentários abaixo e não se esqueça de compartilhar com seus amigos e familiares caso tenha curtido, até a próxima!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

76 − 73 =